Institucional

Pecuaristas de Oriximiná celebram bons resultados em Dia de Campo

Whatsapp

Quatorze criadores de gado de corte e leite do município de Oriximiná, na região da Calha Norte do Pará, estão otimistas com os resultados obtidos com a implantação do Projeto Pecuária Sustentável. Aumento de produtividade, bem estar do homem do campo e animal, recuperação das áreas degradadas, preservação dos mananciais, objetivos específicos com a implantação do projeto começam a ganhar notoriedade entre os pecuaristas que mesmo no verão, período considerado de escassez de pastagem, celebram as melhorias em suas propriedades.

Proprietário da fazenda Tabatinga, criador de gado de leite e corte, o pecuarista Raimundo Bentes, acredita que está no caminho certo, desacreditado da pecuária por conta de diversos fatores, ele viu no projeto a possibilidade de um novo começo. “As nossas áreas estavam cansadas e a gente estava no limite para a criação do gado de corte, eu entrei após o intercâmbio, e no começo ficou aquela desconfiança, e quando a gente viu a nossa pastagem ficar mais formada, aí começamos a acreditar, tem problemas, não é alegria o tempo todo, mas para o que era, a gente voltou a ter confiança”, ressaltou o pecuarista Raimundo Bentes durante visita a sua propriedade.

Assim como Raimundo vários outros criadores de gado de corte e leite começaram a acreditar que é possível conciliar produção e conservação do meio ambiente a partir do uso de técnicas voltadas ao manejo do pasto, e a proposta foi reforçada durante o Dia de Campo, que desta vez foi realizada em uma propriedade que replicou os conhecimentos adquiridos com as capacitações. “Nós tivemos um dia de campo que abordou o tema “Reforma de pastagem”, dentro desta temática foram apresentados os dados da fazenda Novo Horizonte, onde foi explicado o passo a passo desse processo até chegar aos resultados da pastagem reformada. Teve também uma conversa sobre reflorestamento com um engenheiro agrônomo convidado. Além dele, a atividade contou com a presença do gerente do Banco do Brasil que falou aos pecuaristas sobre financiamento e projetos voltados para a pecuária”, complementou o engenheiro agrônomo da Ecam, Emanuel Siqueira.    

A proposta do Pecuária Sustentável, por meio das parcerias com instituições como Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará), Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater), Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (Semagri), Escola de Ensino Técnico do Estado do Pará (EETEPA) e Sindicato dos Produtores Rurais de Oriximiná, é que os conhecimentos repassados durante as visitas técnicas possam ser replicados em outras propriedades dentro do município.

O Projeto Pecuária Sustentável é desenvolvido pela Equipe de Conservação da Amazônia (Ecam) dentro das ações do Programa Territórios Sustentáveis, uma iniciativa gerida pela Agenda Pública, Ecam, Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon), com apoio financeiro da Mineração Rio do Norte (MRN), Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (Usaid) e Associação para Preservação da Floresta Tropical da Suécia (Regnskogsföreningen).

Quer Saber mais sobre o Programa Territórios Sustentáveis acesse nosso site www.territoriossustentaveis.org.br ou redes sociais (Facebook e Instagram), canal no Youtube ou baixe nosso App.